Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Março, 2010

Cultura Brasileira - Dorival Caymmi

Dorival Caymmi deixou como legado um conjunto de canções intensamente original, diferente da obra de qualquer outro artista nacional ou estrangeiro, muitas dessas canções são clássicos que pertencem à memória coletiva e que ajudaram a construir a identidade brasileira. Soam tão familiares que parecem ter existido “desde sempre”. O livro “Dorival Caymmi”, volume da série “Folha Explica” , examina de forma dinâmica os sambas “sacudidos”, as canções praieiras e os sambas-canção de Caymmi, além de relacionar a obra do compositor com questões decisivas da cultura brasileira, com a experiência histórica do Brasil, com a época moderna e com a tradição da música popular brasileira. O autor do livro é Francisco Bosco, ensaísta, letrista e escritor, colunista das revistas “Argumento” e “Cult”. Bosco diz que o livro também tenta revelar os procedimentos, as características, as inflexões e a arte do cancionista. O objetivo, segundo Bosco, é “ajudar a esclarecer e, em o fazendo, reafirmar a singula…

Mário Benedetti - Da gente que eu gosto

Eu gosto da gente capaz de me criticar construtivamente e de frente, mas sem me lastimar ou me ferir. Da gente que tem tato. Gosto da gente que possui sentido de justiça.
Gosto de gente sincera e franca, capaz de se opor com argumentos razoáveis a qualquer decisão. Gosto de gente fiel e persistente, que não descansa quando se trata de alcançar objetivos e idéias.
“A estes chamo de amigos.”

Não deixe o amor passar

Quando encontrar alguém e esse alguém fizer seu coração parar de funcionar por alguns segundos, preste atenção: pode ser a pessoa mais importante da sua vida.
Se os olhares se cruzarem e, neste momento, houver o mesmo brilho intenso entre eles, fique alerta: pode ser a pessoa que você está esperando desde o dia em que nasceu.
Se o toque dos lábios for intenso, se o beijo for apaixonante, e os olhos se encherem d’água neste momento, perceba: existe algo mágico entre vocês.
Se o primeiro e o último pensamento do seu dia for essa pessoa, se a vontade de ficar juntos chegar a apertar o coração, agradeça: Deus te mandou um presente, o amor.
Por isso, preste atenção nos sinais – não deixe que as loucuras do dia-a-dia o deixem cego para a melhor coisa da vida: o amor.
Carlos Drummond de Andrade

Hora de Despertar: nossa música, nossos intérpretes.

Há alguns anos, quando os artistas alagoanos peregrinavam nas rádios pedindo aos programadores a inclusão de suas múscicas na programação, a resposta era inevitável: “o som não é muito bom, não tem qualidade.” Essa história começou a ser mudada com o advento do cd player, substituindo o vinil, aí então os incentivadores: Amarivaldo, Rui Agostinho e Givaldo Kleber, todos da Rádio Educativa FM, acreditando no potencial desses artistas, começaram por conta própria a inserir na programação a prata da casa, procedimento que ainda permanece. Seguindo a mesma linha da Educativa FM, as emissoras: Web rádio Maceió, Mar Azul e Rádio Serraria FM, abrem espaços em sua programação para que artistas desconhecidos tenham oportunidade de divulgar suas criações e ao vivo reivindicar patrocínio para realização de eventos; são procedimentos como estes, que emissoras do porte da Pajuçara FM, Gazeta de Alagoas, Rádio Jornal e outras, deveriam seguir para o fortalecimento da cultura alagoana. Ultrapassado…

Cultura Brasileira - Dorival Caymmi

Dorival Caymmi deixou como legado um conjunto de canções intensamente original, diferente da obra de qualquer outro artista nacional ou estrangeiro, muitas dessas canções são clássicos que pertencem à memória coletiva e que ajudaram a construir a identidade brasileira. Soam tão familiares que parecem ter existido “desde sempre”. O livro “Dorival Caymmi”, volume da série “Folha Explica” , examina de forma dinâmica os sambas “sacudidos”, as canções praieiras e os sambas-canção de Caymmi, além de relacionar a obra do compositor com questões decisivas da cultura brasileira, com a experiência histórica do Brasil, com a época moderna e com a tradição da música popular brasileira. O autor do livro é Francisco Bosco, ensaísta, letrista e escritor, colunista das revistas “Argumento” e “Cult”. Bosco diz que o livro também tenta revelar os procedimentos, as características, as inflexões e a arte do cancionista. O objetivo, segundo Bosco, é “ajudar a esclarecer e, em o fazendo, reafirmar a singula…