segunda-feira, 15 de junho de 2009

Pérolas dos nossos jogadores de futebol

Mengálvio, ex-meia do Santos, em telegrama à família quando em excursão à Europa:
"Chegarei de surpresa dia 15, às duas da tarde, vôo 619 da VARIG."

Jardel, ex-atacante do Grêmio de Porto Alegre:
"Que interessante aqui no japão só tem carro importado."

Dunga, técnico da Seleção Brasileira de Futebol, em entrevista ao programa Terceiro Tempo:
"As pessoas querem que o Brasil vença e ganhe."

Jardel, ex-atacante do Grêmio de Porto Alegre:
"Eu, o Paulo Nunes e o Dinho, vamos fazer uma dupla sertaneja."

Souza, meio-campo do São Paulo, em uma entrevista ao Jogo Duro:
"O novo apelido do Aloísio é CB, Sangue Bom."

Fabão, na primeira entrevista ao chegar no Flamengo:
"A partir de agora o meu coração só tem uma cor: vermelho e preto."

Claudiomiro, ex-meia do Inter de Porto Alegre, ao chegar em Belém do Pará para disputar uma partida contra o Paysandu, pelo Brasileirão de 72:
"Tenho o maior orgulho de jogar na terra onde Cristo nasceu."
 
Ferreira, ex-ponta esquerda do Santos Futebol Clube:
"No México que é bom. Lá a gente recebe semanalmente de 15 em 15 dias."

Um comentário:

rafael disse...

kkkkkkkkkkkkkkk... I don`t believe! parece até brincadeira, mas que lamentável!